Uma ajuda no controle da ansiedade

Aquele aperto no peito, uma taquicardia, a sensação de não caber em si mesmo. Essas são algumas das consequências da ansiedade na vida de uma pessoa. Alguns paralisam a frente desses sentimentos e outros ficam super acelerados. Se você se achou em alguma dessas descrições, você está no mesmo barco que eu. Agora, imagine se sentir assim e se ver frente a frente com um tratamento de câncer, com os medos e inseguranças que isso gera. Cara, é tenso.

Após o meu tratamento, eu fiz yoga e foi perfeito para mim. Primeiro porque a yoga trabalha o corpo e a mente, e segundo porque ensina o Pranayama.

                                                                                Prana… o que?

Traduzindo pranayama, significa técnica de respiração. E para a minha surpresa, descobri que como respiramos influencia e MUITO em como nos sentimos.

Em uma das aulas, minha professora amada (Beijo Ana!) ensinou o Nadi Shodhana Pranayama. Nadi significa canal de energia sútil e Shodana significa limpeza e purificação. Essa é uma prática clássica conhecida também como respiração alterna­da.

A prática indiana ajuda a “trabalhar de forma terapêutica muitos dos problemas circulatórios e respiratórios; harmonizar os hemisférios esquerdo e direito do cérebro, responsáveis pelos lados lógico e emocional da personalidade de cada ser humano; e ainda equilibrar a temperatura do corpo.”

Eu, particularmente, senti e sinto diferença no meu bem estar quando realizo essa atividade de respiração, mas mesmo a Yoga sendo algo milenar, muitos questionam sua efetividade. Acredito que isso aconteça porque somos “muito ocidentais” para conceber algo diferente e que venha da Índia. Daí fui atrás de estudos em Universidades ocidentais e achei várias pesquisas, inclusive aqui no Brasil.

Será que ajuda mesmo?

O Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) conduz uma pesquisa que avalia os efeitos da Yoga, inclusive, os efeitos dos pranayamas.

A pesquisa ainda está em andamento, mas já aponta que “os pacientes já estavam dormindo melhor e sentiam bem menos os sintomas físicos da ansiedade, como tremores, palpitação e dificuldade de respirar.”

Chega de tanta teoria e vamos para a prática!

Nessa técnica, usa-se os dedos para blo­quear uma narina por vez, restringindo a res­piração ao lado oposto do nariz.

O vídeo está em inglês, mas é possível aprender a técnica só pela observação. Bora começar!

NAMASTÊ!

Embasamento:

http://www.yogajournal.com.br/praticas/respire/

Técnica das narinas: Controle a ansiedade pelo nariz

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s